OH MY CHEF: culinária orgânica para pets

Tania Marins: idealizadora da marca Oh My Chef

Marca oferece alimento 100% natural elaborado por veterinários e com ingredientes orgânicos

Oferecer alimentação saudável, totalmente natural, sem conservantes, produtos artificiais ou processados, elaborada por veterinários, balanceada, com cardápio que agrada o paladar dos cães e, além de tudo isso, usando ingredientes orgânicos. Esse é o mote da Oh My Chef, marca desenvolvida há três anos pela criadora de Bull Terrier Miniatura Tania Marins, do canil Marins World Class MBulls, de São Paulo. “Apesar de ser uma marca jovem, a Oh My Chef já conquistou muitos lares onde os tutores se preocupam com a qualidade de vida de seus animais”, aponta Tania, que decidiu abrir a empresa a partir do sonho de oferecer uma alimentação saudável, livre de químicas e processos industriais para seus próprios cães. E o resultado foi uma melhora na saúde, disposição e resistência dos seus minibulls. “Com a inclusão da alimentação natural (AN) e orgânica na nossa rotina, evitamos alergias e prevenimos nossos amores de patas de algumas doenças, tendo ainda um bom funcionamento digestivo e intestinal como benefício”, ressalta Tania. “Além da utilização de ingredientes orgânicos, nosso diferencial é o carinho que temos com nossos produtos, nosso comprometimento e dedicação. Além disso, vamos direto na fonte buscar os alimentos e temos contato muito próximo com os agricultores de alimentos orgânicos.”, acrescenta Tania, que faz entregas em toda a região de São Paulo, incluindo o interior e o litoral.  

(Da esq. para a direita): Harley, Jasper e Guem, clientes superespeciais e irmãos dos cães, também clientes, Bartho, Kim e Ravena, dos tutores Raissa e Guilherme Silva (clientes desde o início da marca) – Foto: Arquivo l dos tutores Raissa e Guilherme Silva
Bolinhos de carne com receitinha “secreta” da Oh My Chef que fazem os clientes de patas uivarem – Foto: Arquivo pessoal Tania Marins

Menu Oh My Chef

Tania revela que as receitas elaboradas com mandioquinha, acelga e manjericão são as mais queridas pela turminha de quatro patas, além do bolinho de carne orgênica – cuja receita é guardada a sete chaves. “As proteínas de frango, carne e lombinho são muito assediadas também. As receitas cozidas são de melhor aceitação que as cruas”, compartilha. Aliás, por serem orgânicos, os ingredientes usados nas receitas da Oh My Chef são colhidos semanalmente pelo produtor rural, que, previamente, passa a Tania quais serão os alimentos disponíveis para ela no início da semana. “Assim, nossas receitas são elaboradas de acordo com indicação veterinária e disponibilidade de ingredientes para nosso menu, pensando em cada animalzinho. Tudo é estudado por nossa equipe de modo prévio junto aos tutores e é bem personalizado”, acrescenta Tania. 

De acordo com Raquel C. Haag, veterinária especializada em Nutrição Animal e uma das responsáveis pela elaboração das receitas da marca, a Oh My Chef desenvolve um trabalho de degustação e testes semanais até a adaptação do cãozinho à nova dieta, e a escolha dos ingredientes é muito importante para agradar o paladar de cada espécie. “Na Oh My Chef, são utilizadas as proteínas de frango, bovinas, de cordeiro, rã, suínos e peixes”, lista Raquel, que alerta para a importância de o animal sempre consumir um alimento preparado por um veterinário quando se migra para a AN. “Assim, ele receberá exatamente o que precisa, de acordo com sua necessidade, seja perda de peso, ganho de massa muscular, acompanhamento gestacional, animais idosos ou com doenças”, aponta. “O balanço nutricional é primordial para que todo suporte seja oferecido em um alimento apetitoso e atrativo para as refeições dos pets”, acrescenta a veterinária.  

À esquerda, Dra. Camila Ziello Rueda, com o Bull Terrier Marvim, de 8 anos, que tinha dermatite alérgica e se recuperou do quadro após a rotina da AN orgânica; (ao centro) Dra. Jaqueline Monteiro Pena (à dir.) e Dra. Raquel C. Haag, também parceiras da Oh My Chef – Foto: Arquivo pessoal de Camila Ziello/Cão: Marvim/Tutores: Ingrid e Anderson Bazetto, de Valinhos-SP e arquivo pessoal

Aval veterinário

A AN tem sido cada vez mais prescrita por veterinários, principalmente para os animais mais sensíveis ou com problemas de saúde. “A indicação principal de AN que prescrevo para meus pacientes se destina a cães com problemas gástricos e intestinais, como gastroenterites e sensibilidades no intestino”, revela Jaqueline Monteiro Pena, especializada em Clínica Geral e Neonato e parceira de Tania na elaboração de receitas da Oh My Chef. Jaqueline diz, ainda, que esse tipo de alimento é recomendado para todos os cães e gatos cujos tutores se preocupam em oferecer qualidade de vida a seu animal.  

Alérgicos e oncológicos

Para elaborar receitas para animais com problemas dermatológicos, como alergias, e oncológicos, a Oh My Chef tem o suporte de Camila Ziello Rueda, da Clínica VetPiú, especializada e mestre em Dermatologia Veterinária. “Hoje podemos montar cardápios personalizados para ajudar em diversos processos patológicos. Para isso, o veterinário realiza exames e, a partir deles, verificamos a necessidade calórica diária do animal. Tudo personalizado para cada pet”, afirma Camila. “Acredito que o organismo do animal tenha uma aceitação melhor e, assim, o tratamento acaba ficando mais fácil. Apesar de ser trabalhoso, em casos de alergia, por exemplo, podemos selecionar exatamente o ingrediente que precisa ser excluído por conta da presença de alguns alérgenos que causam problemas na pele do animal”, acrescenta Lila.

Contatos:

Instagram:@OhMyChef

WhatsApp: (11) 95438-3414


{PAYWALL_FIM}


Clique aqui e adquira já a edição 491 da Cães & Cia!